cior
/

Menu

App Android

A CIOR no teu smartphone ou tablet android.

Untitled Document

Notícias

:: CIOR::

Ação Social

Novo CLDS avança para promover o emprego e combater a pobreza

O município de Vila Nova de Famalicão já está a trabalhar, desde o início deste mês de janeiro, no plano de ação para a concretização do novo Contrato Local de Desenvolvimento Social – CLDS 3G. Tendo como objetivos principais a promoção da inclusão social de todos os cidadãos, através do combate a situações de pobreza persistente e exclusão social no concelho, o CLDS 3G irá vigorar até finais de 2018, implicando um investimento de 356 mil euros. De acordo com o plano de ação elaborado com base no diagnóstico social do concelho e aprovado pelo Conselho Local de Ação Social (CLAS), serão concretizadas 26 ações, distribuídas por três eixos de intervenção: o emprego, formação e qualificação; a intervenção familiar e parental e a capacitação da comunidade e das instituições.

Entre as várias iniciativas destaque para as ações de formação de técnicos de organizações sociais, mas também empresários e empreendedores, para a realização da Feira das Profissões, e ainda para a criação de uma equipa de prevenção do abandono escolar.

A entidade coordenadora do projeto é a CIOR, Cooperativa de Ensino de Vila Nova de Famalicão, sendo o projeto desenvolvido e operacionalizado em parceria com a Engenho – Associação para o Desenvolvimento do Vale do Este e a Plataforma de Animadores Socioeducativos e Culturais – Pasec. Trata-se de entidades “com vasta experiência na área da coordenação de projetos relacionados com desenvolvimento local, empreendedorismo e emprego, educação e formação”, refere a propósito o Presidente da Câmara Municipal de Famalicão, Paulo Cunha, que preside também ao CLAS.

Todo o projeto será desenvolvida em articulação e parceria com a Câmara Municipal, a Segurança Social, o IEFP e as Comissões Sociais Interfreguesias.

Paulo Cunha mostra-se satisfeito e entusiasmado com a concretização deste projeto, que, acima de tudo, pretende ser “um instrumento de intervenção de proximidade, de modo a potenciar os territórios, a capacitação dos cidadãos e das famílias, promovendo assim, a equidade territorial, a igualdade de oportunidades e a inclusão social”.

Rede Local de Educação e Formação do Município

ALUNOS DE CURSO VOCACIONAL DA CIOR MOSTRAM SERVIÇO

Alunos do curso vocacional de Animação, Teatro e Serviço de Mesa da Escola Profissional CIOR participaram numa iniciativa promovida pela Rede Local de Educação e Formação do Município, subordinada ao tema “Ação de Partilha - Organização e funcionamento dos cursos vocacionais" - realizada no passado dia 4 de dezembro, no auditório do Citeve.

Aplicando conhecimentos e práticas adquiridas, bem como atitudes e saberes, os alunos foram responsáveis pelo programa de animação de abertura do evento e pelo serviço de catering assegurado aos participantes.

Neste encontro, que contou com a presença do vereador da Educação e Empreendedorismo da Câmara Municipal, Leonel Rocha, e de um representante da DGESTE, participaram diretores de escolas promotoras dos cursos vocacionais, coordenadores de curso, diretores de turma, professores, psicólogos e uma série de entidades relacionadas com esta modalidade de formação.

PROGRAMA ERASMUS+

CIOR RECONHECIDA PELA INOVAÇÃO E BOAS PRÁTICAS

A Escola Profissional CIOR viu as suas boas práticas, ações projetos e resultados alcançados reconhecidos, no âmbito do programa Erasmus +, numa Conferência de Valorização e Seminário de Monitorização Temática realizados, pela Agência Nacional, no passado dia 9, em Lisboa.
Dos muitos projetos desenvolvidos envolvendo vários parceiros de diferentes países europeus, a agência relevou o projeto FICA – Finding Innovative Competences Againt Early School Drop Out - com objetivos, temáticas e metodologias relacionados com  a problemática do abandono escolar no ensino profissional e formas inovadoras de combater o abandono escolar precoce. Refira-se que neste projeto de mobilidade e de intercâmbio participaram parceiros de prestigiadas instituições e organizações da Alemanha, Espanha, Itália e Reino Unido. 
Para Amadeu Dinis, diretor da CIOR, que participou neste evento com Paula Pereira e Nilza Jardim, responsáveis pelo Gabinete de Projetos, os projetos europeus e as diferentes formas de mobilidade ao serem reconhecidos “atestam a inovação e as boas práticas” que fazem parte do “património e da identidade da Escola”, acrescentando ainda que “ a marca CIOR já há muitos anos se vem internacionalizando no espaço europeu”. Neste contexto, o diretor da CIOR aproveitou para referir que “não queremos o projeto pelo projeto, nem a mobilidade pela mobilidade” pretendendo sim “mais-valias e valor acrescentado que gostamos de partilhar e disseminar”.

MOSTRA DO ENSINO PROFISSIONAL

 

 

 

 

 

 

CIOR MARCOU PRESENÇA EM MOSTRA DO ENSINO PROFISSIONAL DA REGIÃO NORTE

Alunos dos diferentes cursos profissionais e vocacionais da Escola Profissional CIOR participaram na Mostra de Ensino Profissional promovida pela ANESPO, Associação das Escolas Profissionais, que teve lugar, em Guimarães, no Instituto Design, nos passados dias 2, 3 e 4 deste mês.

Nesta Mostra, centrada na evidenciação dos resultados das aprendizagens consubstanciadas na execução de Provas de Aptidão Profissional (PAP) por parte dos alunos que frequentam o último ano dos cursos profissionais, estiveram patentes vários trabalhos concebidos pelos alunos finalistas da CIOR, com destaque para  os do curso de Eletrónica, Automação e Comando.

GET PROFESSIONAL SKILLS III

ALUNOS RECÉM-GRADUADOS

A mobilidade de alunos recém-graduados é uma das ações previstas no projeto GPS III para o ano letivo 2015/2016 e tem como principais objetivos:

- Promover o desenvolvimento de conhecimentos e competências pessoais e profissionais;

- Facilitar a inserção no mercado de trabalho;

- Assimilar e adaptar novas metodologias de trabalho visando a inovação e o empreendedorismo.

Os alunos participantes no projeto irão desenvolver um estágio profissional, com a duração de 20 semanas (aproximadamente 6 meses), numa das entidades Europeias parceiras do projeto: Espanha, Itália e Malta. Durante este período, os alunos selecionados terão acesso a uma bolsa de subvenção para transporte, alojamento e alimentação e obterão ainda a certificação da participação através do documento Europass e do certificado de presença.

+ Ler mais

Anterior | [1] [2] [3] [4] [5] [6] [7] [8] [9] [10] [11] [12] [13] [14] [15] [16] [17] [18] [19] [20] [21] [22] [23] [24] [25] [26] [27] [28] [29] [30] | Próxima

Videos

Galeria

:: CIOR::
Anterior | [1] [2] [3] [4] [5] [6] [7] [8] | Próxima